• exlibrisbrasil2020

Mensagem de Boas Festas e Retrospectiva 2021!

Por Mary Komatsu (Caçadora de Ex-líbris)




Assim como em 2020, o ano de 2021 foi um ano difícil, por conta da Covid-19 e suas variantes. Apesar de tantas incertezas, e neste cenário de desolação, foi um ano de conquistas, com o avanço da vacinação, que traz a esperança de dias melhores neste novo normal.


Como todos sabem, a Caçadora de Ex-líbris nasceu nas redes sociais em 2018, e no meio da pandemia em que o mundo viveu a era boom das lives, foi o período que o canal mais se expandiu. Contamos até hoje, 67 vídeos produzidos, contendo entrevistas com colecionadores, artistas, bibliotecários e historiadores. Participaram convidados do Brasil e exterior, e realizou também lançamentos de livros. No canal do youtube são 800 inscritos com mais de 15 mil visualizações. As lives sempre tem buscado apresentar, discutir, debater e refletir sobre o universo dos ex-líbris, tanto em bibliotecas, nos ateliers, e nas coleções particulares.


Através das redes sociais, a Caçadora de Ex-líbris tem proporcionado aos seguidores a conhecer e inspirar na criação dos seus próprios ex-líbris. E foi lá que a Caçadora conheceu outros ex-libristas com o mesmo interesse, o que resultou na criação do Grupo de Ex-líbris Brasil – GELB, um espaço para troca de ideias e experiências ex-libristas. Neste ano, que o grupo comemorou 1 ano de existência, foi presenteada com a sua logomarca oficial, criada pelo Gerson Witte e sua primeira produção oficial: o livro em homenagem ao ex-librista Alberto Lima, organizada pelo Marcelo Calheiros e pela Caçadora de Ex-líbris.


A Caçadora também apoiou a 2ª Exposição Internacional EX-LÍBRIS: marca de uma identidade sob a curadoria do artista André de Miranda, que inaugurou em novembro deste ano no Museu de Arte de Blumenau. Nesta segunda edição, revelou novos talentos na contemporaneidade e o ex-líbris da Caçadora de Ex-líbris também está marcando presença.

Foi um ano que a Caçadora de Ex-líbris teve a oportunidade de conhecer pessoalmente o Atelier De Etser, em São José dos Campos, e o trabalho na arte da gravura e ex-líbris dos artistas Fabio Sapede e George Gutlich. E na oportunidade conhecer a artista argentina, Margarita Gallo, e seu rico trabalho na aquarela, gravura e sua nova paixão o ex-líbris. No Rio, a Caçadora conheceu o atelier do André de Miranda e sua devoção na arte da gravura e paixão pelos ex-líbris.



Fim de ano é uma época de reflexão, de agradecer a Deus pelas experiências e conquistas do ano.


Boas Festas! Que venha Vinte Vinte e Dois!






2.885 visualizações0 comentário